Sanesc completa 27 anos sendo referência em gestão municipal de abastecimento de água

A Saneamento Municipal de Senador Canedo foi criada, pela lei nº 197/1992, pelo então prefeito Divino Lemes. Conquista que hoje considerada referência, o município tem a administração própria do gerenciamento de captação, tratamento e reservação de água, além de investimentos para execução de Tratamento de Esgoto Sanitário. A empresa tem sido referência nos últimos anos, por conseguir manter o fornecimento de água tratada, mesmo em períodos de crises de abastecimentos, enfrentadas por outras cidades.  Em 2019, a Sanesc completa 27 anos, com obras importantes, como implantação de Rede de Esgoto, que já está em funcionamento, em mais de cinco pontos diferentes do município, além de outras intervenções no abastecimento municipal.

Pioneira e progressista

A Sanesc, inicialmente criada como Companhia Municipal de Saneamento, é responsável não apenas pela captação de água, para posterior tratamento e distribuição. Apesar de boa parte do trabalho executado pela autarquia está concentrado no abastecimento de água de Senador Canedo.  O município possui atualmente mais de 44 mil ligações, água que tem como principais fontes de captação, o Rio Sozinha, Riberão Laginha e Bom Sucesso, mais de 53 poços tubulares profundos, seis represas de regulação e reserva de água, em três pontos diferentes do município e duas Estações de Tratamento de Água, além de outra que está sendo executada.  Em conjunto ao serviço de abastecimento, está sendo realizado desde 2017, ações e obras para implantação e funcionamento da Rede de Tratamento de Esgoto, com o término e a entrega da Estação de Tratamento de Esgoto, além demais intervenções, como implantação de rede de coleta e elevatórias, já tornam ativam mais de cinco pontos da região Central, que torna ativo o esgotamento sanitário da cidade.

Marco para o desenvolvimento do município, e de grande contribuição para saúde dos moradores, a Rede de Tratamento de Esgoto garante a implantação de grandes empresas e empreendimentos, como construções verticais. Trata-se de consolidação do potencial econômico da cidade, que já se destaca por abrigar o maior Pólo Petroquímico da Região Centro Oeste, entre demais potenciais geográficos e logísticos.

Responsabilidade Social

A autarquia acreditando não apenas na sua responsabilidade social, na preservação do meio ambiente e recursos hídricos, atua em dois projetos de conservação dos mananciais de Senador Canedo. Dentro da Sanesc, funciona junto a sua Estação de Tratamento de Água, a Escola de Saneamento, que recebe alunos para orientações a respeito do cuidado com as reservas de águas, e também a apresentação de como é produzida a água tratada.  Com os produtores rurais, é realizado o Programa Produtor de Águas, onde é incentivado o respeito a nascentes, e também o manejo correto junto a rios, córregos e barragens, que podem ser utilizados em períodos de necessidade, para abastecimento da população.

A Saneamento Municipal de Senador Canedo foi criada, pela lei nº 197/1992, pelo então prefeito Divino Lemes. Conquista que hoje considerada referência, o município tem a administração própria do gerenciamento de captação, tratamento e reservação de água, além de investimentos para execução de Tratamento de Esgoto Sanitário. A empresa tem sido referência nos últimos anos, por conseguir manter o fornecimento de água tratada, mesmo em períodos de crises de abastecimentos, enfrentadas por outras cidades.  Em 2019, a Sanesc completa 27 anos, com obras importantes, como implantação de Rede de Esgoto, que já está em funcionamento, em mais de cinco pontos diferentes do município, além de outras intervenções no abastecimento municipal.

Pioneira e progressista

A Sanesc, inicialmente criada como Companhia Municipal de Saneamento, é responsável não apenas pela captação de água, para posterior tratamento e distribuição. Apesar de boa parte do trabalho executado pela autarquia está concentrado no abastecimento de água de Senador Canedo.  O município possui atualmente mais de 44 mil ligações, água que tem como principais fontes de captação, o Rio Sozinha, Riberão Laginha e Bom Sucesso, mais de 53 poços tubulares profundos, seis represas de regulação e reserva de água, em três pontos diferentes do município e duas Estações de Tratamento de Água, além de outra que está sendo executada.  Em conjunto ao serviço de abastecimento, está sendo realizado desde 2017, ações e obras para implantação e funcionamento da Rede de Tratamento de Esgoto, com o término e a entrega da Estação de Tratamento de Esgoto, além demais intervenções, como implantação de rede de coleta e elevatórias, já tornam ativam mais de cinco pontos da região Central, que torna ativo o esgotamento sanitário da cidade.

Marco para o desenvolvimento do município, e de grande contribuição para saúde dos moradores, a Rede de Tratamento de Esgoto garante a implantação de grandes empresas e empreendimentos, como construções verticais. Trata-se de consolidação do potencial econômico da cidade, que já se destaca por abrigar o maior Pólo Petroquímico da Região Centro Oeste, entre demais potenciais geográficos e logísticos.

 

Responsabilidade Social

A autarquia acreditando não apenas na sua responsabilidade social, na preservação do meio ambiente e recursos hídricos, atua em dois projetos de conservação dos mananciais de Senador Canedo. Dentro da Sanesc, funciona junto a sua Estação de Tratamento de Água, a Escola de Saneamento, que recebe alunos para orientações a respeito do cuidado com as reservas de águas, e também a apresentação de como é produzida a água tratada.  Com os produtores rurais, é realizado o Programa Produtor de Águas, onde é incentivado o respeito a nascentes, e também o manejo correto junto a rios, córregos e barragens, que podem ser utilizados em períodos de necessidade, para abastecimento da população.